• História,  Jornalismo,  Reportagem

    O virtual perpetuando o legado de Euclides da Cunha

    Adaptação da SE2020 para o formato online rompeu barreiras e manteve vivo o Movimento Euclidiano Por Bárbara Dal Fabbro Ser maratonista e participar da Semana Euclidiana sempre foi um momento de encontros, conhecimento, pertencimento e alegria. Pode parecer estranho que crianças, adolescentes e adultos se unam, anualmente, de 9 a 15 de agosto, para estudar, debater e se aprofundar na obra de Euclides da Cunha. Sim, este é o mote da SE, mas não só ele. O Euclides estudado não é apenas o profissional, engenheiro, escritor e jornalista, mas o Euclides homem, com seus diversos interesses, valores morais e questionamentos sobre o mundo. Iniciei minha trajetória como maratonista ainda criança,…

  • Diálogos,  Entrevista,  História,  Jornalismo

    Ana Paula Lacerda: “Realizar a Semana Euclidiana representa, para mim, participar da construção de um Brasil melhor”

    Diretora de Cultura de São José do Rio Pardo fala do imenso desafio de organizar a 82ª edição desse evento e de como ele muda a vida das milhares de pessoas envolvidas nas suas múltiplas atividades Por Bárbara Dal Fabbro A trajetória de Ana Paula de Paulo Pereira de Lacerda nos mostra que não é preciso nascer rio-pardense para se tornar e identificar como euclidianista. O estudo sobre a obra do multifacetado Euclides da Cunha em suas mais diversas vertentes tem feito de São José do Rio Pardo (SP) a “meca do Euclidianismo” e trazido para o interior de São Paulo estudantes e pesquisadores de todo o Brasil e de…

  • História,  Jornalismo,  Reportagem,  Resenha

    Amazônia, a sinfonia inacabada do celebrado autor de “Os Sertões”

    Por Mauro César Silveira A ideia fervilhava na mente de Euclides da Cunha há uns dois, três anos. Em 1904, ao escrever para seu colega jornalista e escritor, José Veríssimo, que dirigira a emblemática Revista Brasileira na última década do século XIX, deixou isso muito claro: “Aquelas paragens, hoje, depois dos últimos movimentos diplomáticos, estão como o Amazonas antes de Tavares Bastos; se eu não tenho a visão admirável deste, tenho o seu mesmo anelo de revelar os prodígios da nossa terra”. Referia-se a sua ida ao Acre, não como repórter, mas na condição de engenheiro que chefiava a Comissão de Reconhecimento das Nascentes do Rio Purus. Eram momentos de…

  • História,  Jornalismo,  Reportagem,  Resenha

    O bom jornalismo do clássico de Euclides da Cunha

    Por Mauro César Silveira Bendita Maratona Euclidiana do ano de 2000, em São José do Rio Pardo, no extremo nordeste do Estado de São Paulo. Não fosse aquele encontro, aberto a estudantes dos ensinos fundamental e médio, cumprindo o rito anual de reunir todos os interessados em se debruçar sobre a clássica obra de Euclides da Cunha, e provavelmente não poderíamos contar hoje com o instigante trabalho da jornalista Bárbara Dal Fabbro. Foi ali, naquela semana de estudos envolvendo intelectuais de várias regiões do país, que aflorou seu sentimento definitivo pela epopéia narrada pelo célebre escritor brasileiro, simultaneamente à percepção do jornalismo como possibilidade de vida, conforme ela revela na…